Demi Lovato diz ter cortado cabelo por “normas de gênero e sexualidade” do Cristianismo

Na terça-feira (13), a pop star Demi Lovato fez uma aparição no talk show da atriz Drew Barrymore e afirmou que cortou o cabelo para ficar livre das normas impostas pela cultura cristã e sulista sobre gênero e sexualidade.

A cantora de 28 anos afirmou que se cansou de ser estereotipada como uma “estrela pop feminina sexy”, e quando cortou o seu cabelo ela sentiu que estava deixando de ser quem algo que idealizaram para ela e não quem realmente era.

A entrevista aconteceu pouco tempo depois que Lovato lançou seu último álbum “Dancing with the Devil” [Dançando com o Diabo], canção que intitula o EP, narrando sua jornada e recuperação do mundo das drogas.

“Eu estava dançando com o diabo, fora de controle / quase cheguei ao céu / estava mais perto do que você imagina / brincando com o inimigo, jogando com a minha alma / é tão difícil dizer ‘não’ / quando você está dançando com o diabo ”, diz o refrão.

“Orando por dias melhores e lavando essa dor / Você poderia, por favor, me perdoar? / Senhor, sinto muito por dançar com o diabo”, fala um trecho.

O abandono das suas crenças cristãs

Na continuação da entrevista, a cantora afirmou que está mais feliz agora, com seu novo corte e respeita quem não gosta, mas isso seria algo para aumentar a conversa e consequentemente a consciência das pessoas em relação a esses estigmas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − catorze =